Essa dica é para os, assim como eu, amantes de chocolates e doces em geral. Já pensou em programar uma viagem para comer chocolate?!

Pois então, resolvi fazer uma lista de cinco fábricas de chocolate espalhadas pelo mundo para colocar em um possível roteiro. Se liga só ai:

 

Nossa primeira é uma muito conhecida por todos, a Hershey’s

Ela é a maior marca de chocolates dos Estados Unidos e tem sua produção sediada na cidade de Hershey, no Condado de Dauphin, na Pensilvânia. Lá, além de encontrar a primeira fábrica dos chocolates, você conseguirá visitar também o Hershey Chocolate World (o centro de visitantes da fábrica atual), onde é possível fazer passeios interativos e montar seu próprio chocolate).

 

Próxima parada em na Suíça mais precisamente na fábrica da Lindt & Sprungli que fica em Zurique.

Por questões de higiene, não é possível acompanhar a produção da fábrica de chocolates. Mas eles oferecem uma espécie de cursinho de um dia para turistas. Aí, sim, cada pessoa acompanha e auxilia na fabricação de seus próprios chocolates, e aproveita para, depois, encher bem a sacola na lojinha.

 

Outro lugar que devemos colocar nesta lista é a Godiva.

Ele simplesmente fabrica um dos chocolates mais famosos do mundo, e a fábrica pioneira fica em Bruxelas, na Bélgica. A Godiva se tornou a marca oficial da Família Real do país. A primeira loja oficial foi inaugurada na capital, em 1926, e, até hoje, só há duas fábricas da marca no mundo: uma na própria capital belga e outra na cidade de Reading, na Pensilvânia (EUA).

 

Quando se fala em referência em fabricação de chocolates todos indicam a Fábrica Amedei

A fábrica fica na região da Toscana da Itália, na cidade de Pontedera, próximo de Pisa. Os produtores cultivam cacaus exclusivos em vários países do mundo, inclusive o criolo (que atinge só 5% de toda a safra de cacaus do mundo). São oferecidos três tipos de tours na fábrica, com duração entre 1h30min e 3h.

 

Por último, a Mast Brothers Chocolate

Esta é uma marca de chocolates artesanais e orgânicos. Aqui, o destaque vai para a integração entre o doce e a arte: todos os ingredientes usados são orgânicos e as embalagens seguem a linha do design consciente. São duas fábricas, em Londres e Nova York, e uma unidade deve ser aberta no Design District em Los Angeles ainda em 2016.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.